BRASIL, Centro-Oeste, BRASILIA, Mulher, de 36 a 45 anos
MSN - bianadf@hotmail.com

 

   

    UOL
  UOL SITES
  Adoro Fazer Amigos
  Afrodite
  Anink Marink
  Asterix
  A tonga
  O Avesso da Palavra
  Chance
  Devaneios de Amor
  dia de Crises
  Dilemas de Uma Rosa
  Ecos da Mente
  Fel
  Felicity Craft
  Hgasolim
  Do outro Lado das Teclas
  Magra Emergente
  Menage à Trois
  Morcego no Ar
  Mundo Cruel
  No one Knows
  Pequenos Instantes
  Pequi Up
  Quase memória
  simplesmente Lolli
  solidariedade
  trakineiros
  Lili Carabina
  Metaphoras
  Letras ao Acaso
  Embaixatriz do Brasil
  Sapatinhos Vermelhos
  Janelas Abertas
  Quase Terminado
  kikah


 

    28/05/2006 a 03/06/2006
  19/03/2006 a 25/03/2006
  12/03/2006 a 18/03/2006
  24/04/2005 a 30/04/2005
  16/01/2005 a 22/01/2005
  21/11/2004 a 27/11/2004
  24/10/2004 a 30/10/2004
  10/10/2004 a 16/10/2004
  26/09/2004 a 02/10/2004
  19/09/2004 a 25/09/2004
  12/09/2004 a 18/09/2004
  05/09/2004 a 11/09/2004
  29/08/2004 a 04/09/2004
  22/08/2004 a 28/08/2004
  15/08/2004 a 21/08/2004
  08/08/2004 a 14/08/2004
  01/08/2004 a 07/08/2004
  25/07/2004 a 31/07/2004
  18/07/2004 a 24/07/2004
  11/07/2004 a 17/07/2004
  04/07/2004 a 10/07/2004
  27/06/2004 a 03/07/2004
  20/06/2004 a 26/06/2004
  13/06/2004 a 19/06/2004
  06/06/2004 a 12/06/2004
  30/05/2004 a 05/06/2004
  23/05/2004 a 29/05/2004
  16/05/2004 a 22/05/2004
  09/05/2004 a 15/05/2004
  02/05/2004 a 08/05/2004
  25/04/2004 a 01/05/2004
  18/04/2004 a 24/04/2004
  11/04/2004 a 17/04/2004
  04/04/2004 a 10/04/2004
  28/03/2004 a 03/04/2004
  21/03/2004 a 27/03/2004
  14/03/2004 a 20/03/2004
  07/03/2004 a 13/03/2004
  29/02/2004 a 06/03/2004
  22/02/2004 a 28/02/2004
  15/02/2004 a 21/02/2004
  08/02/2004 a 14/02/2004


 

   

   


 
 
Arabella Bella



Reflexo condicionado...



O dia voara para Arabella. O clima quente e seco tirara um pouco o humor da Bella que, vez por outra, respirava fundo e tomava uns bons goles de água para não perder a paciência. Não que fosse impaciente, mas, Arabella tinha um mecanismo de auto-programação que permitia que ela fosse até um determinado ponto, se passasse daquele limite, parecia que não iria agüentar o tranco e que iria sucumbir. Era assim com todo mundo, em todos os níveis de relacionamento. Com os filhos, por exemplo:

Quando o dia estava terminando, agüentava até o último segundo possível de suportar, mas, chegando no limite, começava a disparar o mau humor e dizia aos dois:

- Acabou o dia!

Eles já sabiam e, numa espécie de reflexo condicionado, assimilavam a mensagem e sabiam que o dia tinha realmente acabado.

Assim era a paciência de Arabella: larga, mas curta. Se é que isso é possível...

Mas, o dia transcorreu normal, como um outro dia de setembro. Em alguns momentos quis ligar para Gabriella para saber como ela estava, se tinha passado o dia bem até aquele momento etc etc etc. Mas, até nesse caso, ela optara por deixar o dia correr e não ligar para a amiga. Era mesmo esquisita. Gostava das pessoas, lembrava-se delas com uma certa freqüência, mas, num mecanismo que nem ela sabia explicar, terminava deixando o tempo passar e se afastava das pessoas que mais amara na vida. Daí a decisão (também) de ligar para a irmã.

- Alô, Isabella?

- Sou eu, Arabella. Tudo bem?

- Tudo... Respondeu a irmã reticente.

Era realmente estranho um telefonema da irmã... Estranho, mas não impossível.

A irmã de Arabella tinha desenvolvido uma forma de encarar o mundo muito diferente della. Era mais acomodada em relação à vida e normalmente era vista como a mais frágil, papel oposto ao que Arabella assumiu na vida. Quem estava certa? Não era o caso de estar certa ou não. Eram estilos diferentes apenas.

- Como você está, vamos nos encontrar? E o seu filhote? Tudo bem?

Arabella disparou a perguntar. Queria resgatar uma intimidade que há muito já tinha perdido com a irmã. Eram quase gêmeas. Super próximas na idade e tão distantes no temperamento e na forma de ser. A bella pouco entendia como duas irmãs podiam ser tão antagônicas e eram!

///~..~\\\

 



Escrito por Arabella às 16h55
[   ] [ envie esta mensagem ]





[ ver mensagens anteriores ]